sábado, 4 de março de 2017

PRINCESA ISABEL E REGIÃO SE JUNTAM À ASSOCIAÇÃO 'MULHERES DO PEITO' NO COMBATE AO CÂNCER DE MAMA
João Paulo Fernandes04 março 0 comentários


A Prefeitura de Princesa Isabel (PB), por meio da Secretaria de Saúde, recebeu na tarde dessa quinta-feira (02), a Dra. Cristiane Araújo, representante do projeto “Mulheres de Peito,” que participa da luta contra câncer de mama na Paraíba. A Associação Mulheres de Peito é formada por um grupo de voluntários de diversas áreas.

Estavam presentes o prefeito e secretário de saúde de Princesa Isabel, Ricardo Pereira do Nascimento e Dr. Júnior Ferraz, respectivamente; os secretários de saúde de Juru, Manaíra e São José, sendo eles Márcia Andrea, Elaneide Lacerda e José Max; além da coordenadora de saúde da rede municipal de Princesa, Fabiana Medeiros e Franciele Alves, da 11ª Gerência Regional de Saúde.

O projeto surgiu em outubro de 2015, na cidade de Cuité, por meio do empenho e dedicação da mastologista Cristiane Araújo e do Padre Severino Firmino, com o objetivo de levar assistência às mulheres carentes que não tem acesso rápido ao atendimento oferecido pelo SUS.

Hoje em dia, mulheres de diversas regiões da Paraíba contam com o apoio e solidariedade da Associação, e, através da parceria com as redes públicas, é possível que o projeto seja ampliado, ganhando mais incentivo,  investimento e parcerias. 

Mulheres de Peito disponibiliza diagnósticos e biopsias, como também tratamento para mulheres diagnosticadas com câncer, que não possuam renda e condições de buscar atendimento e resolutividade no combate à doença.

A cidade de Princesa Isabel, a qual possui um dos 30 mamógrafos disponibilizados em várias regiões da Paraíba, em convênio com o Sistema Único de Saúde (SUS), poderá atender, com o suporte do Mulheres de Peito, um número excessivamente maior de mulheres da cidade e região no diagnóstico e prevenção ao câncer de mama, através da mamografia, detectando precocemente lesões muito pequenas, dando até 90% de chances de cura.

A Associação realiza cirurgias e tratamentos no Hospital da FAP (Fundação Assistencial da Paraíba), em Campina Grande.


Ascom PMPI
Sobre o Autor "Apenas um rapaz, latino-americano, sem dinheiro no banco sem parentes importantes, vindo do interior..." João Paulo Fernandes Facebook

0 comentários

Postar um comentário