sábado, 10 de outubro de 2015

SANITARISTA ALERTA A POPULAÇÃO PARA OS RISCOS DO MANEJO E CONSUMO INADEQUADO DA ÁGUA
João Paulo Fernandes10 outubro 0 comentários

 Eúde de Souza Almeida Sá

Em tempos de acentuada crise hídrica na região Nordeste do país, as doenças relacionadas ao manejo e ingestão de água contaminada aumentam consideravelmente. Pensando nisso, o Blog Política 24h entrou em contato com a Enfermeira Sanitarista, Eúde de Souza Almeira Sá, para saber quais os riscos da  exposição e quais as formas adequadas para evitar doenças relacionadas a água contaminada. 

Quais riscos que a população está exposta ao consumir água sem o devido tratamento?


R= O consumo de água não tratada ou precariamente tratada deixa a população exposta às doenças causadas por parasitas, bactérias e vírus. Destacando-se algumas das infecções, como as enterites, que são doenças que acometem o intestino; ainda, as hepatites A e E, que são doenças que acometem o fígado.


Quais os cuidados necessários no manejo e como evitar contaminação da água?

R= É importante que se tenha hábitos domiciliares corretos no manejo da água de consumo humano para que a saúde de seus usuários não seja afetada. Para isso, adotar práticas de higiene no que diz respeito à limpeza do filtro, a cada sete dias, lavando-o com uma esponja ou escova e com água limpa. Também, realizar a limpeza da caixa d’água a cada seis meses, utilizando panos, esponja ou escova macias (não usar detergente, sabão ou outro produto) e ainda, fazer sua desinfecção com hipoclorito de sódio a 2,5%; assim como, proceder da mesma forma com outros tipos de reservatórios domiciliares são recomendações que se fazem necessárias, com objetivo de se evitar os riscos de contaminação da água garantindo assim, a continuidade da qualidade dessa água para o seu consumo.

Mensagem: A água potável é um recurso natural esgotável; recebê-la com qualidade no domicilio é um direito do cidadão; contudo, mantê-la com qualidade para o consumo e fazer seu uso de forma racional e sustentável, é de responsabilidade dos seus usuários.

Eúde de Souza Almeida Sá é natural do Estado do Piauí (radicada na Bahia),Graduada em Enfermagem pela Faculdade de Integração do Sertão - FIS/PE, Graduada em Administração pela Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina - FACAPE/PE, Pós-graduada em Saúde Coletiva pela Faculdade de Saúde de Paulista - FASUP/PE, Pós-graduada em Gestão do SUS pela Fundação Oswaldo Cruz - FIOCRUZ/PE, Pós-graduada em Gestão de Redes de Atenção à Saúde pela Fundação Oswaldo Cruz - FIOCRUZ/PE.

POLÍTICA 24h

João Paulo Fernandes 

Sobre o Autor "Apenas um rapaz, latino-americano, sem dinheiro no banco sem parentes importantes, vindo do interior..." João Paulo Fernandes Facebook

0 comentários

Postar um comentário