quinta-feira, 27 de agosto de 2015

EXCLUSIVO: DR. SÍDNEY FALA SOBRE OPOSIÇÃO, RICARDO COUTINHO, ELEGIBILIDADE E 2016
João Paulo Fernandes27 agosto 0 comentários

 Presidente do PSDB de Princesa Isabel,  Dr. Sídney Oliveira

O ex-prefeito e presidente do PSDB de Princesa Isabel, Dr. José Sídney de Oliveira, concedeu hoje (26), entrevista exclusiva ao Blog Política 24h. Na entrevista concedida ao signatário deste blog, João Paulo Fernandes,  Dr. Sídney falou sobre Oposição, Governo Ricardo Coutinho II, Elegibilidade e Projetos para 2016. Veja a íntegra da entrevista entrevista realizada na residência do ex-prefeito:

Boa noite, Dr. Sídney! Antes de tudo, quero agradecê-lo pela gentileza de me receber em sua casa para uma entrevista exclusiva.
“Boa noite, João Paulo! Quero iniciar parabenizando-o pelo Blog Política 24h!”
Dr. Sídney, nos últimos dias a imprensa regional tem entrado em choque de informações sobre possíveis condenações e consequentemente sua inelegibilidadeO que fato nisso?
“Sobre essas ilações de inelegibilidade, não há nada de verdade. Sou um homem livre sem nenhum problema em tal esfera.”
Sendo elegível, podemos já chama-lo de pré-candidato em 2016?

“Não... ainda não porque, como já lhe disse: o tema eleição só pertence a 2016... falar em política agora seria um desserviço à Princesa Isabel, principalmente nesse momento difícil que a cidade atravessa com a crise hídrica, a população mais carente sofrendo e se não fosse a prefeitura estar distribuindo água, estaríamos sofrendo muito mais... então, discutir política nesse momento não é bom...” 
O senhor pode encontrar um impasse dentro do próprio partido, em 2016: O TSE pode dar carta branca para Dominguinhos concorrer a um novo mandato e em uma entrevista ele deixou escapar essa possibilidade. O senhor abriria mão de concorrer para apoiá-lo novamente?
Eu sou aliado de Dominguinhos, mas, não vejo essa possibilidade de um terceiro mandato... até porque Dominguinhos foi reeleito e não deve estar pensando nisso...o futuro é quem vai dizer essa situação...”
Mas ele deixou escapar esse “gancho” em uma entrevista a uma rádio, então?
“O futuro é quem vai dizer essa situação... em 2016 é que a gente vai pensar sobre isso...nem digo que abriria mão, nem que seria candidato...a partir de janeiro de 2016 é que você vai ter essa resposta total...o PSDB é um partido forte, organizado, tem um quadro muito bom, não tem briga e é um partido capaz de formar grandes coligações...tanto é que levou Dominguinhos ao poder...portanto, estamos juntos, unidos, aqui não tem o absurdo de dizer: eu quero ser o candidato, fulano é candidato... não!..na hora certa o povo é quem vai dizer, porque quem decide eleição é o povo, não é conversa de rádio, conversa de esquina, não é a vontade de querer...quem decide é o povo... portanto, só em 2016 a gente vai decidir quem será o candidato...O partido está pronto, organizado, nós vamos ter várias filiações sem nenhum alarde, sem festas, sem nada...nossa festa será no próximo ano com nossa vitória nas eleições, porque pode ter certeza que em 2016 nós vamos pra rua para vencer.
Como o senhor avalia o comportamento da oposição, em Princesa Isabel?  
“Eu não gosto muito de avaliar...só acho que a política de Princesa tem que melhorar, o nível tem que melhorar. Hoje, temos uma política muito rasteira, onde as ideias e o povo não são mais lembrados e o foco tem sido a vida particular das pessoas...A gente tem que promover uma política de ideias, o que é melhor para Princesa, tentar resolver a crise hídrica e os problemas graves ao invés de estar se preocupando com a vida particular...isso não leva a nada.”
O que houve de errado na estratégia do PSDB ao perder a maioria na Câmara Municipal de Princesa Isabel?
“O vereador vai para onde quer...tem seu mandato e assim arca com a responsabilidade disso...Na verdade, o PSDB perdeu um vereador e isso faz parte da vida política e da vontade de vida de cada um...O PSDB está muito mais forte que antes – mesmo com a saída de um vereador. O partido está forte, muito mais organizado e pronto para eleição do próximo ano.”
Qual sua avaliação do governo Ricardo Coutinho, nesses primeiros 08 meses de mandato?
“Não há como fazer uma avaliação, até porque estamos passando por uma crise...Sei que os compromissos firmados com Princesa ainda não apareceram, mas, tem tempo... está apenas começando o segundo mandato do governador...A crise mundial/nacional está trazendo grandes transtornos e a gente tem que esperar que ele cumpra os compromissos assumidos com Princesa Isabel e que a cidade seja beneficiada – independentemente de eu ter sido adversário dele.”
A gestão do prefeito Dominguinhos, desde seus primeiros dias, é um mandato de altos e baixos. Há sempre Demanda Jurídica e uma delas é algo que não aconteceu na sua gestão na prefeitura: atrasos recorrentes no pagamento do funcionalismo público. O que tinha na sua gestão que falta em Dominguinhos?
“Cada um tem um estilo próprio de governar e na verdade eu não sei o que acontece, porque, como todo mundo sabe, eu apoiei Dominguinhos – assim como a maioria do povo princesense apoiou... nós concedemos um mandato a ele e ele é que tem que gerir, ele é o gestor municipal...Acredito que há influência da crise, assim como Ricardo Coutinho tem atravessado crise... O país atravessa uma grande crise na economia e Dominguinhos tem sofrido muito, mesmo assim, tem conseguido recursos para construções...talvez seja o prefeito que mais construiu UBS’s...tem feito muita coisa na Saúde do município, mas essa parte do funcionalismo tem um histórico de atrasos...mas, sinceramente, eu não acompanho de perto porque o gestor é Dominguinhos... Eu acredito que o problema é da crise que assola os municípios, porque atraso tem em Princesa e em outras cidades. Dominguinhos tem algo desfavorável a ele: uma oposição muito forte, todo dia, toda hora, todo instante trabalhando sob pressão total. Acredito que isso dificulta a administração, porque a oposição só vê o lado das dificuldades, mas nunca vê o lado que traz o bem para Princesa Isabel.”

Dr. Sídney, muito obrigado, pela entrevista exclusiva ao Blog Política 24h e fique à vontade para deixar uma mensagem ao povo princesense.

“Eu que lhe agradeço, João Paulo! Obrigado pela cordialidade, por abrir espaço para entrevista com exclusividade em seu Blog.  Ao povo de Princesa, o que tenha a dizer é que precisamos  lutar para sairmos desse fundo do poço que é a crise hídrica...não está sendo fácil...O comércio está parado, o pobre é quem mais sofre e se não fosse a PMPI estar distribuindo água, a situação estaria bem pior... Deus abençoe o povo princesense! Abraço à todos!”
 POLÍTICA 24h
 Entrevista concedida com exclusividade à João Paulo Fernandes – signatário deste Blog.



Sobre o Autor "Apenas um rapaz, latino-americano, sem dinheiro no banco sem parentes importantes, vindo do interior..." João Paulo Fernandes Facebook

0 comentários

Postar um comentário